Google+ Followers

Poema ao acaso
Poema ao acaso


Contador de visita

Add this

Bookmark and Share

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

SHOW 100% CAIPIRA VOLUME 1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Flauta de Jade

Noite tépida, perfume de ameixeiras,
daí a minha amada um sonho delicioso.
Fazei com que ela fique impaciente de rever-me e que,
de madrugada, venha bater à minha porta.
Perfume de ameixeiras, luar, noite tépida,
saberei pelos seus beijos se me ouvistes.

A Flauta de Jade

A grandeza do ser humano não
consiste em sua superioridade ou
fama, mas em sua personalidade,
marcada por ações de bondade e
de "amor"



AMOR OU DEMÊNCIA?
Mírian Warttusch

Eu sei que tu me amas desvairadamente,
Mas isto desconheces, pois estas demente!
Sinto que te ponho a perder em tal delírio,
E ao invés de um bem, eu sou o teu martírio!

Tu te destroças, enquanto exulto por amor.
Eu vivo, mas tu morres, repleto de rancor.
Te falo eu de amor, mas tu jamais me entendes,
Ficas sempre tão frio, que me surpreendes.

Onde irei buscar ânimo, para continuar?
Por que vou dar-te amor, se não sabes me amar?
O degredo será, afinal, o teu destino?

Tu sempre viverás, eu sei, em desatino!
Eu acompanho um louco, que ama, sem amar,
Amo esse louco… louca eu seria de o deixar!



Nizardo é assim…

AMOR SECRETO

Nem sonhas que eu te adoro e me confidencias
Tuas cruéis angústias de amores medonhos…
E as tuas pretensões românticas e sonhos
Que te lavam de dor ou banham de alegrias…

Se acaso me perguntas se possui virtudes
Alguém que faz teu peito pulsar diferente
Meu coração se rasga e minha boca mente
No intuito de lançá-lo a ermas longitudes…

Por te querer fiz coisas que até Deus duvida…
Renunciei à minha e vivo a tua vida
Buscando ser teu porto firme e o teu amparo…

E esse amor secreto, “às vezes” me atormenta
Porque meu coração no impulso “sempre” tenta
Falar-te do que eu sinto, e eu “nunca” me declaro…



DUAS ESTRELAS
Mírian Warttusch

Divinas, mansas, perenes,
Cintilam de amor tamanho,
Toda noite no meu leito,
Em sua luz eu me banho.

Chegam tão apaixonadas,
Universo de delícias...
Nosso encontro... é madrugada...
Dardejam loucas carícias.

Estrelas que em cada ponta,
Guardam múltiplos anseios,
Cada qual, assim, mais tonta,
A viajar sobre os meus seios.

Segredo bom não se conta?
Conto sim... as tuas mãos,
São essas duas estrelas,
Perdidas na imensidão.

Na entrega, tanta loucura,
Quando teus dedos me tocam,
Como as pontas das estrelas,
Mil frenesis me provocam.

Cinco pontas cada estrela,
Brilhando na imensidão,
Ardorosas, se assemelham,
Aos dedos das tuas mãos.

Sempre unidos, céu e terra,
Universos consonantes,
Ganhando o céu, somos anjos,
Na Terra somos amantes.
NA TRILHA
Xote - CD "Animais Em Extinção"
Programa Cultural Planeta Azul e Verde
Mírian Warttusch



Elefante foi nadar lá na lagoa,
Na lagoa
Elefante foi se refrescar
Foi "numa boa"
Elefante bebeu água pra xuxu
E espantou da lagoa, o tatu.

Sai daqui, tatu, sai daqui jacaré,
Sai daqui rinoceronte
Que a lagoa é só pra mim!
Sai daqui, seu macaco,
Sai daqui bicharada,
Sai daqui sua anta
Que eu te dou uma trombada.

Elefantinho tá pulando,
Tá feliz!
"Tá numa boa"
Refrescado na lagoa...

A mamãe foi chamar o elefantinho
Para seguir sua trilha, seu caminho
Elefantinho não é nada obediente
Fica na lagoa
Pois tá muito quente!








AMIGO DE VERDADE ,,

É aquele que nos conhece melhor
do que nós mesmos,
ainda que o espelho
mostre a verdadeira face,
quando cegos não nos enxergamos.

É aquele que nos diz a verdade,
ainda que doa dentro de nós,
porque muitas vezes não queremos
ver aquilo que está latente
e presente à nossa frente.

Amigo é aquele que chora junto
com a gente,
que empresta a borda da camisa para enxugarmos o nariz,
que abre o guarda-chuva
nas tempestades
e nos abriga com fé e ternura.

Amigo é aquele que nos mostra saídas,
que consegue captar do problema,
algo que nos escapou,
que sabe nos dizer onde acertamos
e porque erramos,
sugere caminhos e
fica torcendo por nós.

Amigo ainda é aquele
que faz palhaçada
só pra ver aflorar um sorriso,
quando estamos caidos demais.
Então a mágica se faz e
brota o riso e até mesmo
o gargalhar entre lágrimas.

E o amigo sincero chora junto,
abre seus braços enormes e nos afaga,
manda calorosos beijos,
como a dizer:
- veja.. voce não está só,
eu estou aqui..
ainda que longe físicamente,
mas muito perto do teu coração.

E assim vamos sopesando a vida,
que se torna leve e suportável,
quando a nossa carroça da amizade
está repleta de amigos;
que se consideram apenas pessoas
sujeitas a acertos e erros
e têm a certeza de que serão acolhidos,
em qualquer momento da caminhada,
nas quatro estações do ano,
nas vinte e quatro horas do dia,
no instável cotidiano,
na saúde e na doença,
na tristeza e na alegria,
pois Deus atua
através do amigo sincero e leal,
unindo a todos
numa imensa ciranda de amorosidade



Num dia de grande emoção

Que pedia o coração para te agradecer

com uma sincera oração.

Ah! se eu fosse um bom poeta,

ou regesse uma grande orquestra

te homenagearia com a mais bela poesia

e uma radiosa harmonia!

E para você grande amigo das horas de alegria

Em que eu mais queria,tu estavas lá

na hora certa pronto a me amparar,

e a minha cruz aliviar.

O amigo pontual, da hora especial

sempre pronto a colaborar

tornando seguro o meu caminhar!

Por todas as horas de felicidade

Rogo a Deus que te abençoe!

Amigo de verdade !!

É aquele que nos conhece melhor
do que nós mesmos,
ainda que o espelho
mostre a verdadeira face,
quando cegos não nos enxergamos.

É aquele que nos diz a verdade,
ainda que doa dentro de nós,
porque muitas vezes não queremos
ver aquilo que está latente
e presente à nossa frente.

Amigo é aquele que chora junto
com a gente,
que empresta a borda da camisa para enxugarmos o nariz,
que abre o guarda-chuva
nas tempestades
e nos abriga com fé e ternura.

Amigo é aquele que nos mostra saídas,
que consegue captar do problema,
algo que nos escapou,
que sabe nos dizer onde acertamos
e porque erramos,
sugere caminhos e
fica torcendo por nós.

Amigo ainda é aquele
que faz palhaçada
só pra ver aflorar um sorriso,
quando estamos caidos demais.
Então a mágica se faz e
brota o riso e até mesmo
o gargalhar entre lágrimas.

E o amigo sincero chora junto,
abre seus braços enormes e nos afaga,
manda calorosos beijos,
como a dizer:
- veja.. voce não está só,
eu estou aqui..
ainda que longe físicamente,
mas muito perto do teu coração.

E assim vamos sopesando a vida,
que se torna leve e suportável,
quando a nossa carroça da amizade
está repleta de amigos;
que se consideram apenas pessoas
sujeitas a acertos e erros
e têm a certeza de que serão acolhidos,
em qualquer momento da caminhada,
nas quatro estações do ano,
nas vinte e quatro horas do dia,
no instável cotidiano,
na saúde e na doença,
na tristeza e na alegria,
pois Deus atua
através do amigo sincero e leal,
unindo a todos
numa imensa ciranda de amorosidade



S..oneto que faz bem para a alma
O..meu coração encheu-se de paz
N..ada melhor há, são palavras lindas
E..feito de luz como inspiração
T..raz tranquilidade para a mente e
O..coração.

D..eus querendo mostrar
A..s belezas da vida

A..magia da trilha para seguir
L..uz no caminho ainda por vir
M..uito mistério a desvendar
A..lma limpa e soneto no ar!



Fale baixinho,


Fale baixinho, que só eu te escute,
Fale baixinho, pra só eu te ouvir…
Fale baixinho, assim, no meu ouvido,
Fale baixinho, pra só eu sentir…

Fale baixinho, só pra mim, querido,
Fale baixinho, comova o coração!
Fale baixinho, com tua voz quente,
Fale baixinho, não diga que não.

Fale baixinho, é hora de dormir,
Fale baixinho, os anjos estão aqui…
Fale baixinho, que eu vou escutar.

Fale baixinho, antes de partir,
Fale baixinho, para eu dormir.
Fale baixinho, pra não me acordar.

“Psiu… fale baixinho…

Eu sei que não sou o que
esperavas de mim, te
enganei por medo de
confessar o que sentia
por ti fui covarde, eu sei.

Mas tu foste pior, sem me
dar chance de defesa
roubou-me, o que de mais
precioso eu tinha.

Te dei o meu coração, e
você não se contentou.
com isso e, a sua presença
renovou a minha vida.

Retirou a pesada cortina
que envolvia o meu coração e
não deixava que ele visse o
quanto é bom poder ser amada.

O seu carinho renovou a
certeza de que vale a pena
ser carinhosa com alguém
porque carinho.

É delicioso de se dar e receber
mas ai você veio e, roubou-me
a alma, e agora me obriga a vir
aqui de joelhos pedir implorar
como uma mendiga uma maltrapilha.

Devolva-me o que roubou!
Devolva-me a minha alma
para que eu possa Voltar
A viver sem você! Beijos
De Poema e Poesia


Dança comigo,segura minha mão,
estremeço...
Me deixo conduzir por você e pela música.
Precisão de movimentos numa linguagem poética!
Dança comigo,expressando emoções
que invadem o corpo, desnudam a alma...
Me puxa assim ,e envolve meu corpo,
gesto que seduz.
Faz com que nossos corpos se aproximem.
Seu olhar seduzindo-me nos acordes dos
seus carinhos.
Suavemente coloca minha cabeça em seu peito
Me aperta em teu coração,respiro teu perfume
exalando sensualidade e hipnotizando –me
Delicia sentir sua mão
espalmada em minhas costas nuas...
Perco a noção,
me entorpece, quando desenha a linha da coluna.
Dança comigo,
Me sinta...
Deixa a música da minha ternura, ser a sinfonia da sua alma.
Não quero abrir os olhos, deixe que este momento
seja eterno.
A boca procura meu pescoço, a voz rouca ao ouvido,
enlouqueço...
Vem...
dança...
Fecho os olhos enquanto me beija em silêncio...
E continuo dançando, seduzida pelas carícias, e suspiros...
Não apresse esta hora mágica.
Vem ,dança comigo...
Até à eternidade do nosso sonhar...
Até a música acabar...
Ou até aonde o amor for capaz de nos levar...
Dança comigo...






Como é bom sonhar sonhos lindos


Nas horas de boas lembranças
No tempo de ser feliz
Em momentos de alegria
Quando nem mesmo a saudade
Pode indicar separação!

Como é bom te ver
Como é bom te amar e sentir
Que a distância não existe!
Bom é o amor
Que nos faz tão próximos
Que nos faz tão juntos
E te faz tão minha (meu)!

Como é grato o amor
Que põe minha vida na tua
Em dimensão de encanto!
Boa é a ternura,
A sensação de carinho
De dois seres
Vivamente enamorados!

Para um grande amor
Não há fronteiras
Não há limites
No ontem, no hoje, no agora
De toda a eternidade!



A primeira vez !!

A primeira vez que eu te vi nunca esqueci daquele dia que
ternura e alegria me fez feliz.E aí então começava o nosso grande amor,
tanta paz no seu olhar,e acompanhado com um sorriso de menino,
coisa linda isso me fascina
que vontade do primeiro beijo,
mas seu desejo não deixará a desejar.Pois é!! amar!!amar!!amar!! coisa gostosa,
nossos sentimentos se aprofundam em um mar de emoções que geram alegrias,prazer
e muito sentimento mútuo.

Um Beijo No Coração



Quero te amar


Quero te amar
Pra sempre,
E também dizer,
Que te quero,
Que te amo tanto,
Que te espero,
Mas...
Quando não vens,
Eu fico em pranto,
Porque tu és
Meu doce,
Meu mel,
Meu encanto,
Minha esperança
E ainda digo,
Que o nosso amor,
É um amor criança,
É inocente,
É de alegria,
Entretanto é serio,
É também coerente,
Amante da poesia..
Saibas tudo,
Que quero dizer,
Eu te quero
De todo coração
E, esse meu amor
É pra sempre

O TRABALHO DO POETA !

Trabalho de bom poeta, é ilustrar e divulgar.
As coisas boas da alma, devem sempre se alastrar.
Não deve ficar contido, o amor entre as criaturas.
Abraços, beijos, e fé, fundarão as estruturas.



É bom sabermos que o mundo, se ilustra à cada momento.
Devemos ser responsáveis, ter muita honra aqui dentro.
Coração e alma unidos, em pról das nossas crianças,
É implantar felicidade, é aumentar esperanças!



Leva pois os versos meus, para aqueles que tiverem,
Os mais lindos ideais, e as suas mãos assim derem!
Assumir um compromisso de formar outros poetas,



É deliciar a alma, promover nossas serestas.
Deixo aqui meu testemunho, vou honrar, até morrer,
De levar minha mensagem, pro mundo inteiro saber


Neste momento,


Penso em você e então
Quisera me transformar em vento.

E se assim fosse,
Chegaria agora como brisa fresca
E tocaria leve sua janela.

E se você me escuta e
Me permite entrar,
Em você vou me enroscar
Quase sem o tocar.

Vou roçar nos seus cabelos,
Soprar mansinho no ouvido,
Beijar sua boca macia,
O embalar no meu carinho

Mas eu não sou vento...

Agora sou só pensamento e
Estou pensando em você.

E se abrir sua janela,
Eu estou chegando aí,
Agora...neste momento,
Em pensamento...no vento.



INTEIRAMENTE, APENAS UM...




Não é difícil saber quando estamos amando...
Tampouco descobrir quando somos amados...
Tremor que nos percorre, as mãos se tocando,
Vontade louca que temos de sermos beijados...

É assim tão sublime, o amor correspondido,
Nada há de impedi-lo, de em tudo ser ousado...
Se pensamos ter o ser amado a nos submetido,
É quando mais estamos nós, subjugados...

Vozes que sussurram, corpos que se abraçam,
Olhos que se fitam com brilho incomum,
Dedos que percorrem... tocam... se entrelaçam,
É sentir que somos, inteiramente, apenas "um"...

Eu em você... você em mim... corpos contritos,
Alma na alma, sublimados os dois neste momento,
Só entendemos que o amor é sim, nosso alimento.

Um no outro, somos a vida, a plenitude, a energia...
O instinto é que nos move, e assim nos extasia...
Nos completa... nos diviniza... nos torna tão bonitos!

ANDORINHAS


Quando em criança, lembro das tardinhas
E da cor rubra, de tantos ocasos.
Bem lá no centro das lembranças minhas
(...E ai me enchem d’água os olhos rasos!)

Me vem o vôo sutil das andorinhas,
Que ao frenesi do seu bater de asas,
Cruzavam o céu em sinuosas linhas,
Fazendo evoluções no vão das casas.

Recordo ainda o que mamãe dizia;
- São as Andorinhas, aves benfazejas,
Deus as fez só pra alegrar Maria

Quando iam brincar com seu Jesus menino.
Por isso agora, moram nas Igrejas
Nas altas torres onde bate o sino.
ç

FECHA A PORTA POR FAVOR !!

Vibra pelo teu toque, em todo o corpo meu,
Uma fagulha que tu sopraste e se reacendeu!
Retorna com volúpia e nem sequer me acalma
…Tu a trouxeste de volta para confundir-me a alma.

Nem tanto queima, mas se esvai… volatiliza,
Ao toque do teu corpo, que sobre mim desliza…
Me aviltas como aquele que já me esqueceu,
E apenas me possui satisfazendo um desejo seu.

Na entrega tola, assim, sem sentimentos,
Traduzimos, quiçá, nossos efêmeros tormentos.
Nada significa este momento, pra você ou para mim,

Me dói até ceder aos meus instintos, sim.
Nada sentimos mais… já nada importa…
…Quando tu partes, eu te peço: “fecha a porta”

PLATÔNICO DEMAIS…



Te enganas, meu querido, imaginando que eu não sei…
Eu o soube desde que tudo eu te confidenciei…
Tu, sim, é que desconheces estes meus anseios,
De querer estreitar-te entre os meus seios!

Tão secreto é este meu, quanto esse teu amor,
Não dizes tu nem digo eu - porque, ó dor?
Tão simples seria quando me ofereces o teu ombro,
Eu me aninhar nos teus braços – ai, que assombro!

E ao invés de nossas bocas fazerem confidências,
Em beijos, deveríamos vasculhar nossas essências…
Você não sabe que eu sei - e tu, não adivinhas,

Tudo que eu deixo perceber nas entrelinhas?
Que desatino, amar de um jeito tão irônico…
E manter entre nós, um escondido amor platônico!

AO NASCER DA AURORA !

Tu me dizes "bom dia" alegremente,

Trazes contigo o sol, tão esplendente!

A Tua mesma alegria, tenho eu comigo.

"Bom dia", para você, eu também digo.

O dia que nos chega, lindo, radioso,

Nos trás também a paz, tão glorioso!

Ofertas de um Deus de amor, tão grandioso,

Que o nosso mundo faz esperançoso.

E quando a noite, vem o dia substituir,

Novas riquezas tem este Deus... faz reluzir

Estrelas no caminho da Via Láctea enternecida,

E em cada novo amanhecer, faz renovar a vida!


AMOR SECRETO



Nem sonhas que eu te adoro e me confidencias
Tuas cruéis angústias de amores medonhos…
E as tuas pretensões românticas e sonhos
Que te lavam de dor ou banham de alegrias…

Se acaso me perguntas se possui virtudes
Alguém que faz teu peito pulsar diferente
Meu coração se rasga e minha boca mente
No intuito de lançá-lo a ermas longitudes…

Por te querer fiz coisas que até Deus duvida…
Renunciei à minha e vivo a tua vida
Buscando ser teu porto firme e o teu amparo…

E esse amor secreto, “às vezes” me atormenta
Porque meu coração no impulso “sempre” tenta
Falar-te do que eu sinto, e eu “nunca” me declaro…

ROSA ROSADA !!


Que linda rosa rosada

Bonita como você

Se em ti eu vejo a rosa

Na rosa vejo você.

Aprecio tanto a rosa

Gosto muito de você.

O perfume dessa rosa

Sei que emana de você.

Guardarei pra sempre a rosa

Pra não esquecer você.

Se murchar, guardo no livro,

Eterno viço... é você!

AMOR AUSENTE !

Eu sei que tu me amas desvairadamente,
Mas isto desconheces, pois estas demente!
Sinto que te ponho a perder em tal delírio,
E ao invés de um bem, eu sou o teu martírio!

Tu te destroças, enquanto exulto por amor.
Eu vivo, mas tu morres, repleto de rancor.
Te falo eu de amor, mas tu jamais me entendes,
Ficas sempre tão frio, que me surpreendes.

Onde irei buscar ânimo, para continuar?
Por que vou dar-te amor, se não sabes me amar?
O degredo será, afinal, o teu destino?

Tu sempre viverás, eu sei, em desatino!
Eu acompanho um louco, que ama, sem amar,
Amo esse louco… louca eu seria de o deixar!

Pessoa amada!



"Sempre é um bom dia
quando estamos em paz
com nós mesmos,
quando aprendemos a dar
amor e recebê-lo..
Só é possível ser feliz
quando compreendemos
a grandeza do amor,
e do perdão!!!

O POETA E MÚSICO !!!


O poeta através da pena e da tinta .
Passa para o branco papel os seus sentimentos .
E transmitindo a todos , o sentimento amor e poesia .
Que se retrata na natureza nos seres humanos .
E em tudo que existe
Que na tristeza ou na alegria
E a poesia serve de consolo , instrução e alenta o coração
E o poeta , músico e o compositor .
Que nas suas veias corre , as colcheias semicolcheias e fusas
E nessa corrente de melodias
Mistura - se o romantismo
E corre nos pensamentos e nos corações envolvendo tudo nas mais belas
e profundas poesias melódicas
E voa através dos sons dos instrumentos .
Enchendo os coações de melodias
Que desperta o sentimento suave de amor e Paz .
Como em um sonho , casa - se a música e a poesia
E o sonho torna - se realidade
Poeta e músicos , vamos com seus instrumentos
Ceifar as ervas daninhas
Deste Paraíso verde de Esperanças !